Domingo, 2 de Outubro de 2011

Magia matemática envolvendo números

A Matemática, como disciplina fascinante que é, possibilita que os mais astutos no domínio da Magia encantem os seus interlocutores com atividades mágicas que os deixam completamente rendidos a essa Ciência. O exemplo que trago para reflexão desta vez passa por se analisar a relação que existe entre a primeira parcela da seguinte adição (475) e a respetiva soma (2473):

 

 

Certamente reparará que a soma tem mais 1998 unidades que o valor da primeira parcela, isto é, aquele valor é maior em duas mil menos duas unidades que esta parcela (1998 = 2000 - 2).

 

Ora, baseados nesta constatação, este mesmo conjunto de números poderia servir de base a uma atividade de magia matemática. Imagine, pois, que um nosso interlocutor era solicitado para referir oralmente, e escrever num papel, um número formado por três dígitos, de preferência, diferentes entre si. De seguida pedia-se para acrescentar por baixo desse número referido, outros dois números formados, também cada um, por três dígitos. Como é que se poderá adivinhar logo a soma, assim que é referida a primeira parcela?

 

Este enigmático desafio passa, então, por se acrescentar dois mil ao valor dessa parcela, mas temos de retirar duas unidades a essa mesma parcela. Depois, basta acrescentarmos, nós mesmos, as duas parcelas que faltam. Contudo, a escrita destas duas parcelas deve obedecer ao critério de formarem mil menos um (999), duas vezes, ou seja, um total de 2000 - 2, que é 1998. Vejamos a figura e centremos a nossa atenção nas cores:

 

 

 

Repare-se no seguinte: ao adicionarmos os valores da 2ª e da 4ª parcelas obtém-se o valor 999, pois: 390 + 609 = 999. Por sua vez, a adição dos valores da 3ª parcela com os valores da 5ª parcela também origina o mesmo resultado: 628´+ 371 = 999. Logo, com a nossa intervenção na escrita criteriosa das últimas parcelas estaremos a contribuir decididamente para que o valor da 1ª parcela seja adicionado com os valores 999 + 999, isto é com (1000 - 1) + (1000 - 1), ou seja com 2000 - 2, que é 1998.

 

No sentido de se aplicar esta magia matemática a uma nova situação, pode-se colocar a nossa criatividade em jogo e podemos logo escrever num papel (sem que alguém veja) o número 2638. Contudo, se isto ocorrer perante um conjunto de amigos, ou na escola, com alunos, o professor poderá dizer logo de imediato que escreveu num papel o número que vai escrever agora no quadro da sala de aula: 640. Claro está que no papel o valor 2638 é o tal que é 640 + (2000 - 2). Na figura do quadro escreverá, então, só a 1ª parcela, mas na sua memória e no papel que escreveu, e guardou bem guardado, já tem a soma que pretende obter:

 

 

Imaginando que solicitamos duas intervenções e os valores são os da figura seguinte, quais os valores a acrescentar por nós? 

 

 

Tendo em conta o valor 523 na 2ª parcela, para que a nossa intervenção origine o valor 999, então teremos de avançar com o número 476:

 

 

Do mesmo modo, o valor da 3ª parcela (374) terá de ser adicionado ao valor da 5ª parcela, que será 625. Note-se que 374 + 625 = 999:

 

 

Em síntese, quando agora nós mostrássemos o papel que está guardado, a surpresa seria enorme, por este conter a soma 2638. Fica, pois, comprovado que adicionando duas vezes 1000 - 1 ao valor 640, o valor obtido é 2638.

 

Analisemos agora a figura seguinte e tentemos relacionar o valor da 1ª parcela com a respetiva soma:

 

 

 

Uma primeira conclusão é que a soma é maior em 1776 unidades, isto é, duas mil menos 224 unidades. Significa isto que basta olhar para a soma para se ver que na ordem das dezenas e na ordem das centenas, os valores aí existentes são os respetivos da 1ª parcela, subtraídos de duas unidades. Ja o algarismo da ordem das unidades, na soma, é igual ao respectivo algarismo da 1ª parcela, subtraído de quatro unidades.

 

Como o valor 1776 se pode obter pela soma de duas parcelas iguais: 888 + 888, então, o que teremos de fazer, enquanto Magos da Matemática é introduzir duas parcelas cujos valores ao serem adicionados aos valores da 2ª e 3ª parcelas vão originar duas vezes o valor 888:

 

 

Repare-se, pois, que (a) 364 + 524 = 888; (b) 628 + 260 = 888. Logo, 475 + 2 x 888 = 475 + 1776 = 2251.

 

Tendo em conta esta nova curiosidade matemática, descubra os valores que farão parte das parcelas da figura seguinte, de modo a que a soma seja maior do que a 1ª parcela em 2000 - 224 unidades:

 

publicado por Paulo Afonso às 01:58
link do artigo | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 14 de Outubro de 2010

Conexões matemáticas ...

As figuras mágicas já foram objecto de análise neste blog, por serem um objecto de recreação matemática propício ao esta...

Ler artigo
publicado por Paulo Afonso às 23:29
link do artigo | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sexta-feira, 24 de Setembro de 2010

Hexágonos mágicos

As figuras mágicas já foram objecto de análise neste blog por variadíssimas ocasiões. Desta feita vou socorrer-me de uma...

Ler artigo
publicado por Paulo Afonso às 00:07
link do artigo | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Segunda-feira, 8 de Março de 2010

Investigações matemát...

O tema das investigações matemáticas tem servido de base ou contexto para a exploração de muitos assuntos neste blog. De...

Ler artigo
publicado por Paulo Afonso às 00:18
link do artigo | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 15 de Fevereiro de 2010

Figuras mágicas e tar...

O tema das figuras mágicas já foi por diversas vezes objecto de reflexão neste blog. Contudo, como o mesmo suscita a pos...

Ler artigo
publicado por Paulo Afonso às 00:58
link do artigo | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 9 de Outubro de 2009

Adicionando números p...

Como é do conhecimento de muitas pessoas, designadamente dos mais ligados a questões da Matemática, não existe nenhum al...

Ler artigo
publicado por Paulo Afonso às 10:59
link do artigo | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Segunda-feira, 26 de Janeiro de 2009

Explorando hexágonos ...

À semelhança do triângulo equilátero e do quadrado, o hexágono regular é um polígono que tem a particularidade de fazer ...

Ler artigo
publicado por Paulo Afonso às 00:02
link do artigo | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 8 de Setembro de 2008

Alvo matemático

Vários são os casos de recreação matemática que recorrem a alguns jogos do nosso quotidiano, como fonte de motivação ext...

Ler artigo
publicado por Paulo Afonso às 22:29
link do artigo | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 5 de Setembro de 2008

Sequências mágicas

Em Matemática Recreativa as sequências numéricas suscitam actividades muito motivadoras quando associadas a determinadas...

Ler artigo
publicado por Paulo Afonso às 21:42
link do artigo | comentar | favorito
|
Domingo, 31 de Agosto de 2008

Somas olímpicas

Como referi no artigo anterior, as figuras geométricas, quando associadas a determinados números, permitem uma viagem fa...

Ler artigo
publicado por Paulo Afonso às 00:02
link do artigo | comentar | favorito
|

mais sobre mim

pesquisar

 

Traduzir Blog


Visitas ao segundo

artigos recentes

Magia matemática envolven...

Conexões matemáticas entr...

Hexágonos mágicos

Investigações matemáticas...

Figuras mágicas e tarefas...

Adicionando números primo...

Explorando hexágonos regu...

Alvo matemático

Sequências mágicas

Somas olímpicas

Prazer matemático

Cortesía de AoPS

palavras-chave

todas as tags

links

Traduzir


Get Your Own Scroller

Contador

Web Counter

Janeiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Pessoas on-line

online

Publicidade

Este Blog é membro do União de Blogs de Matemática


"

MusicPlaylist